segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Veja como crescem os lírios do campo

Fiz uma viagem até Bauru, e pra variar estava atrasado! 

Fiz a viagem em tempo recorde, eu e o meu “uno voador” chegamos à tempo.
Passei o final de semana em Bauru e na volta já não havia pressa, voltei por algumas estradas antigas, passando por Santa Maria da Serra, São Pedro, Piracicaba. Na volta pude perceber muitas coisas que não havia percebido na ida, principalmente a paisagem!
Plantas, lagos, árvores gigantescas, muitos eucaliptos.


Me lembrei de quando Jesus termina o seu sermão mais famoso, o sermão do monte, ele passa a falar sobre a sobre nossa preocupação com necessidades da vida. Jesus comenta duas coisas que me intrigaram depois dessa viagem. 

Observem as aves do céu,
veja como crescem os lírios do campo


Jesus notava essas pequenas coisas!

Na viagem que eu fiz e não tive a menor condição de observar a paisagem e tantas coisas lindas que Deus criou porque estava correndo, apressado!

Somente na volta, descansado, desatento talvez, distraído com a paisagem e sem preocupações com o tempo, eu fui capaz de perceber detalhes no cenário que já estiveram à minha frente.

Corremos tanto!
Pegamos ônibus, fila do metrô, presos em engarrafamentos, e não sobra tempo para observar coisas simples como a paisagem.

Corremos tanto!
Levamos os filhos na escola, compramos material, deixamos recado na mochila, lembramos que não devem conversar com estranhos, e não recortamos desenhos no chão da sala para colar nos cadernos e nos álbuns.

Corremos tanto!
Pegamos cedo no trabalho, fazemos serão, concorremos a vagas melhores, salários melhores, e não jantamos como família à mesa.

Quero convidar você a fazer o que Jesus fez, parar e observar as coisas simples, que podem se perder no meio do que não é o principal nas nossas vidas!


@SandroValerius

(você encontrará o sermão de Jesus no evangelho de Mateus, capítulo 5)

5 comentários:

Luciana Rodrigues disse...

Muito bom ler esse texto em plena segunda-feira, e relembrar o convite de Jesus para vivenciarmos a simplicidade do Evangelho!

Entrecontos & Entrelinhas disse...

Um dos maiores motivos que faz de mim uma seguidora do Mestre é o fato de ele "olhar", e a forma que ele nos instiga a fazê-lo...É exatamente a esse olhar que seu post nos remete! Agradeço a gentileza da Lu em compartilhar seu texto comigo...que nada mais é que um lembrete:OLHAI AS AVES DO CÉU...OLHAI OS LÍRIOS DO CAMPO

Sandro Valérius disse...

Agradeço...
tento escrever de forma simples para que pessoas simples possam refletir e trazer essas realidades que penso para suas vidas!
Obrigado pelo comentário!
Com certeza isso me motiva...

fabiopereira disse...

Belezura de texto, Sandro!
É na beleza da simplicidade cotidiana que Deus se revela de forma mais profunda.
Ele criou coisas belas para desfrutarmos pelo simples fato de nos amar.
A pressa é o grande demônio de nossos dias. Que possamos desfrutar mais do tempo que nos é permitido em alegria, contentamento e simplicidade.
Um abraço!
Graça, paz e todo bem seja contigo!

Sandro Valérius disse...

Obrigado Fábio!
valeu pelo coments!